PortugueseEnglishSpanish
PortugueseEnglishSpanish

Julho tem crescimento de 12% em aberturas de empresas

12 de agosto de 2021 - 11:56

Matéria: Bianga Braga e Cecília Marques
Foto: Reprodução

Com o quantitativo de 10.326 novos negócios, o mês de julho de 2021 supera os resultados do mesmo período do ano passado, com 9.211

 

As empresas registradas no mês de julho de 2021 totalizaram 10.324, de acordo com os dados levantados pela Junta Comercial do Estado do Ceará (Jucec). Destas aberturas, o tipo jurídico Microempreendedores Individuais (MEI) foi responsável por 8.615, ou seja, 83% do total de novos negócios deste mês. O mesmo período em 2020 apresentou 9.211 novos negócios, o que reflete um aumento de aberturas de 12% em relação a julho de 2021.

Diante dos resultados, o Vice-Presidente da Jucec, Caio Rodrigues, afirma: “Mês a mês o Estado do Ceará vem aumentando os números de aberturas de empresas, isso é fruto de um trabalho comprometido do Governo do Estado através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho e também da Jucec, que trabalham na melhoria do ambiente de negócios. Com isso, podemos ter uma perspectiva exitosa quanto aos próximos meses.”

Como habitual, o setor de Serviços esteve em destaque na questão de aberturas, com 5.501 novos registros. Logo em seguida, ficou o setor de Comércio, com 3.802 e o de Indústria, 1.021. Em relação às atividades mais abertas, a de Comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios foi a mais registrada durante o último mês, com 1.281 aberturas. Em segundo e terceiro lugar, Comércio varejista de cosméticos, produtos de perfumaria e de higiene pessoal e Comércio varejista de bebidas, respectivamente, com 876 e 667.

Dentre os municípios com mais destaque em constituições, Fortaleza está em primeiro lugar com 4.723, seguido de Caucaia, 419, e Juazeiro do Norte, 368. O terceiro lugar em aberturas de empresas que em julho de 2021 foi ocupado por Juazeiro do Norte, antes era  ocupado por Maracanaú no mesmo período de 2020.

As extinções apresentaram o levantamento de 3.168 no mês de julho de 2021 e 2.529, em 2020, o que mostra uma escalada de 25%.