PortugueseEnglishSpanish
PortugueseEnglishSpanish

Equipe de atendentes do Fale Jucec participa de ciclo de capacitação

27 de outubro de 2020 - 12:48 # # # #

O encerramento do ciclo foi realizado hoje (27/10) com a palestra virtual sobre comunicação afetiva e não violenta.

A equipe de atendentes do Fale Jucec, ferramenta de solicitação de informação e suporte da Junta Comercial do Estado do Ceará, JUCEC, participou de um ciclo de capacitações para aperfeiçoar técnicas de atendimento ao público, a fim de melhorar o serviço prestado ao cidadão por meio da ferramenta. Na manhã de hoje (27/10), foi realizado o bate papo virtual sobre Comunicação Afetiva e Não Violenta, ministrado pela jornalista e mestre em comunicação institucional Aline Castro, que marcou o encerramento das capacitações. 

O bate papo virtual contou com a presença dos atendentes do Fale Jucec e demais servidores que realizam atendimento ao público por meio de outros canais. No encontro, foram apresentadas técnicas para identificar as necessidades e gatilhos que podem causar violência no processo de comunicação e o que podemos fazer para perceber e melhorar a conexão com o outro, em nossas relações pessoais e com o cidadão que procura o atendimento da Jucec. 

Conforme explicou a jornalista Aline Castro “Não conseguimos falar de Comunicação Não Violenta, CNV, sem começar pela posição inicial de se conectar com o outro. É importante perceber qual a necessidade das pessoas. Para isso, precisamos trabalhar a generosidade, para que o outro consiga se expressar melhor. É importante atuar sem atribuir ao outro rótulos, a grande transformação que pode ser feita no trabalho e na vida. Não devemos nos apressar em responder sem antes praticar a escuta mais ativa. Às vezes estamos no piloto automático e precisamos trabalhar mais uma comunicação mais genuína”. 

O vice-presidente da Jucec, Caio Rodrigues, participou do encontro e destacou a importância de trabalhar os ensinamentos da Comunicação Não Violenta nas relações pessoais e de trabalho. “O intuito desse momento, da capacitação, é promover a interação. Tudo que vimos hoje podemos utilizar no trabalho, mas também pode ser aplicada em nossa vida cotidiana, buscando atuar com mais empatia com o outro. A comunicação não violenta é muito mais abrangente do que podemos imaginar, por isso devemos procurar aprimorar os conhecimentos sobre o assunto”.  

A gerente de Gestão de Pessoas da Jucec, Cláudia Linard, acrescentou que “o encontro, bem como as demais capacitações, podem contribuir para um atendimento mais humanizado e com interação maior com o público, além de fortalecer e melhorar as relações pessoais”. 

 

Ciclo de capacitações

O ciclo de capacitações, iniciado em agosto, seguiu cronograma composto por 3 cursos, além do evento realizado hoje. O primeiro treinamento realizado pela equipe do Fale Jucec foi de Introdução à Administração Pública, do Instituto Plácido Castelo, do Tribunal de Contas do Estado. Em seguida, os servidores participaram das lives sobre a Lei de Acesso à Informação,da Ouvidoria-Geral da União, e fizeram o curso de Linguagem Simples, da Escola Nacional de Administração Pública, Enap.